Catálogo
Notícias
Nokia Asha 300
Nokia Asha 303
Nokia Asha 201
Nokia Asha 200
Nokia Lumia 710
Nokia Lumia 800
Apple iPhone 4
Nokia X2
Nokia N8
Sony Ericsson Zylo
Sony Ericsson Spiro
Nokia E5
Nokia C3
Nokia C6
Microsoft Kin Two

 Telefonar.com » Notícias » 

Novos operadores encaminham 7,4% do tráfego telefónico
17-08-2001

Os novos operadores licenciados para o Serviço Fixo de Telefone encaminharam 7,4% de todo o tráfego telefónico originado por estas redes durante o primeiro trimestre do ano.

A PT Comunicações ficou com uma quota de 92,6% segundo dados revelados pelo Instituto das Comunicações de Portugal (ICP).

No mesmo período, existiam em Portugal 43,3 linhas telefónicas por 100 habitantes. No total, foram gerados pela rede fixa 4,1 mil milhões de minutos de tráfego telefónico, o equivalente a um crescimento de 2,6% entre o último trimestre de 2000 e o primeiro deste ano.

As chamadas nacionais, incluindo as ligações de acesso à Internet, foram o principal motor deste crescimento. Por si só, estas chamadas cresceram 2,8% nestes três meses. O tráfego internacional de saída, por seu turno, assinalou uma redução de 3,2%.

Desagregando os valores por tipo de tráfego, constata-se que a quota de mercado dos novos operadores nas chamadas internacionais, contada em minutos, ascende a 25,6% do total, contra 74,4% da PT Comunicações.

No que respeita exclusivamente ao tráfego nacional, a relação é de 6,7% para os novos operadores e 93,3% para a PT Comunicações.

Em Março de 2001, estavam licenciados para a prestação do Serviço Fixo de Telefone 28 entidades, das quais 12 estavam efectivamente em actividade. Destes, 2 prestavam serviçes apenas em acesso directo (Cabovisão e PT Comunicações), duas apenas em acesso indirecto (Global One e TMN) e oito em ambos os tipos de acesso (HLC, Jazztel, Maxitelsat, Novis, Oni Telecom, PT Prime, Telecel e Teleweb).



Tags: icp, trafego, rede fixa,

Partilhar: Facebook Digg delicious Google Stumbleupon